Reabertura da Irlanda: novas regras de visto para brasileiros

By in ,
Reabertura da Irlanda: novas regras de visto para brasileiros

Com as últimas mudanças no processo de visto para brasileiros na Irlanda, o futuro intercambista está confuso em relação às novas regras. Durante a pandemia da Covid-19, o país mudou as exigências algumas vezes. Portanto, gerou dúvidas nos estudantes. Leia este artigo e entenda o que mudou e se brasileiros precisam ou não de visto para entrar na Ilha Esmeralda.

Brasileiros intercambistas já podem viajar para a Irlanda?

Em setembro a Irlanda reabriu suas fronteiras para brasileiros vacinados há mais de duas semanas e com teste negativo para COVID-19. No dia 20 de setembro as escolas voltaram a emitir as cartas para estudantes brasileiros que desejam realizar intercâmbio de longa duração. Porém, algumas normas foram impostas para estrangeiros que desejam entrar na Ilha.

Exigências para entrar no país

Estudantes oriundos diretamente de países da Red List, como o Brasil, devem cumprir algumas imposições do governo irlandês para entrarem no país. Veja quais são as exigências:

  • Uma prova válida de vacinação;
  • Prova de que se recuperaram do COVID-19 nos últimos 180 dias;
  • Teste PCR negativo;
  • Ter reservado um quarto para cumprir os 14 dias de auto-isolamento. Para aqueles alunos que estejam viajando sozinhos o quarto precisará ser single.
  • Para alunos que estiverem viajando juntos ou no mesmo voo devem se apresentar juntos na imigração e poderão compartilhar um quarto duplo. 

Vacinas aceitas pelo governo irlandês:

  • Pfizer-BioNtech
  • Moderna
  • Oxford AstraZeneca
  • Jassen

Caso o estudante não apresente uma das exigências acima, ele deverá realizar uma quarentena obrigatória em um hotel designado pelo governo, podendo custar até 2 mil euros. 

Retrospectiva da reabertura da Irlanda

Visando frear o avanço da pandemia, em janeiro de 2021 a Irlanda anunciou a suspensão de novos vistos para estudantes oriundos da América do Sul. No entanto, revogaram a medida em 15 de junho de 2021. Dessa forma, os brasileiros voltaram a ter acesso ao país por até 90 dias como turista e sem a necessidade de visto. Em setembro, as regras voltaram a permitir que  intercambistas pudessem embarcar sem a necessidade de um visto prévio.

Quanto custa um intercâmbio na Irlanda?

Entenda como funciona o visto para brasileiros

Primeiramente, o estudante deve comprar um curso de inglês que esteja de acordo com as regras da  Interim List of Eligible Programmes (ILEP) — Lista Provisória de Programas Elegíveis.

Em segundo lugar, agendar um horário para solicitar o visto online no portal da imigração. O pedido de visto só é realizado após a entrada do estudante no país. Em conclusão, não será necessário realizar o processo enquanto ainda estiver no Brasil.

Os custos para aplicação são gratuitos. Porém, ao chegar no país é preciso pagar uma taxa de 300 euros para emitir o IRP (Irish Residence Permit).

Vantagens em ter contas em bancos digitais no exterior

Com a  previsão de reabertura total do país  a partir do dia 22 de outubro, a procura para embarcar para o país ainda este ano cresceu nos últimos dias.

Nós da Viajar Mais,  recomendamos que todos os embarques sejam programados para o ano de 2022. Já que a reabertura será realizada de forma gradual e passível de mudanças sem aviso.

Intercâmbio na Irlanda – O Guia sobre tudo o que você sempre quis saber!

Sobretudo, o ideal é que sua viagem seja organizada com pelo menos um ano de antecedência. Concluindo, ainda, que seu planejamento seja para embarcar só em 2023.

Por isso, conte com a gente! Se você quer saber mais como ir para a Irlanda, entre em contato com um dos nossos consultores e solicite um orçamento.

Visite a nossa página exclusiva sobre a Irlanda e descubra mais sobre esse destino encantador.

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *