O que os gringos acham estranho no Brasil

By in
O que os gringos acham estranho no Brasil

Brasil, um país de mais de 200 milhões de habitantes, o quinto maior do mundo em território, país tropical que recebe mais de 6 milhões de turistas por ano. Mas o que esses viajantes pensam sobre o nosso país? 

Além de amar as praias, nossa cultura e as festas, os gringos notam algumas diferenças culturais bem engraçadas, entre o nosso país e os deles. Veja 7 coisas que surpreendem os estrangeiros quando visitam o Brasil:

1 – Jogar papel higiênico no lixo

Jogar papel higiênico no vaso sanitário é uma prática comum em vários países do mundo. No exterior, o lixo do banheiro é reservado, apenas, para os lenços umedecidos, fraldas descartáveis e absorventes. Os gringos não entendem o porquê do brasileiro manter o papel higiênico sujo no banheiro por dias. 

Faz sentido o pensamento deles, uma pena que não podemos adotar esse hábito, levando em consideração a diferença da nossa rede de tratamento de esgoto, tipo de encanamento e saneamento básico.

2 – Morar com os pais depois de adulto

Um dos hábitos brasileiros que deixam os gringos no mínimo pensativos, é o fato de pessoas adultas com mais de 20, 30 anos ainda morarem com os pais. Eles saem de casa para cursar a faculdade e não voltam mais. Constroem as suas vidas após a formatura, trabalhando, morando sozinho e pagando as próprias contas.

3 – Pontualidade

Um tema polêmico, mas cá entre nós, pontualidade não é um dos pontos fortes dos brasileiros. Se um jantar, festa de aniversário ou churrasco estiver marcado para 19h, os convidados vão começar a chegar às 20h. Nem o dono da festa espera pontualidade.

É um costume se atrasar para esses eventos. Chegar no horário pode soar até como falta de educação. A gente comenta: “vou marcar as 19h para o pessoal chegar às 20h”.

O gringo acha estranho esse nosso hábito e não consegue entender a lógica. Eles são pontuais. Então se você vai convidar estrangeiros para alguma comemoração, saiba que eles serão os primeiros a chegar.

 

4 – Motorista e cobrador

O fato de ter duas pessoas trabalhando nos ônibus também é motivo de estranheza para quem vem visitar o Brasil. Nos demais países, o próprio motorista recebe o valor da passagem.

É bastante comum o uso de cartões e tickets individuais para usar o transporte público. Alguns países sequer recebem dinheiro dos passageiros e quando muito, o pagamento deve ser feito apenas com moedas muitas vezes sem dar “o troco”.

5 – Fornecer o número do CPF

No Brasil, é comum que várias vezes ao dia alguém ou algum site pergunte o número do seu CPF. Essa prática é estranhas para os europeus, já que eles costumam deixar o documento em casa. 

Muitos estrangeiros encaram essa pergunta como invasão de privacidade e desnecessária. Não é tipo de informação que eles saem dando por aí.

6 – Abacate com leite

Batida de abacate? Abacate com açúcar e leite? Os nossos amigos de outras nacionalidades torcem o nariz para essa combinação. Abacate, em muitos países, é um fruto que se come com sal, acompanhamento das principais refeições do dia. 

No México, por exemplo, existe a famosa guacamole (abacate com tomate, sal, pimenta, azeite e limão), consumida com tacos e nachos; já no Reino Unido um sanduíche de salmão com abacate cai muito bem para um almoço rápido.

O que eles pensam dos brasileiros?

No Brasil se fala espanhol

É comum que os estrangeiros pensem que no Brasil se fala espanhol, já que nós somos o único país da América do Sul que fala português. Vez ou outra, um gringo vai sorrir todo feliz para você e falar duas ou três palavras em espanhol, que ele aprendeu ao longo da vida. Aí quando o brasileiro diz: eu não falo espanhol, para desconversar eles respondem: vocês falam brasileiro, né? 

Todo brasileiro sabe sambar

Quando você diz a uma pessoa de outra nacionalidade que é brasileira, ela logo tenta puxar conversa falando de futebol, samba, caipirinha e carnaval. Os gringos acham que todo brasileiro sabe sambar e bater uma bola, mas isso não é verdade. 

Embora, a maioria goste de carnaval e futebol, essas são questões muitos culturais de cada região e o Brasil é muito mais que isso. Ao viajar pelo nosso país, podemos perceber a imensa diversidade cultural e toda riqueza que existe aqui. São muitos “brasis” no Brasil.

Que o brasileiro não tem um padrão étnico 

É comum ouvir as seguintes frases quando estamos viajando:

-Vocês são brasileiros? Mas, são tão diferentes de um do outro!

-Você não parece ser brasileira!

Existe um estereótipo em torno dos brasileiros, muito pelo que é apresentado no futebol e carnaval. Os gringos desconhecem a miscigenação brasileira e que nossa população tem características físicas completamente diferentes. 

Somos uma nação construída de povos nativos, europeus, africanos e asiáticos. Cada um com sua beleza, com seu charme e jeito. Mas lá fora, nem todo mundo sabe disso!

Independente da imagem que o pessoal lá fora tem do Brasil e das nossas diferenças culturais, o respeito deve prevalecer nas viagens e nas relações pessoais. Cada país tem sua cultura, sua beleza e seus hábitos. 

Muitas atitudes dos estrangeiros também nos parecem estranhas à primeira vista. Conseguir ver a beleza em cada gesto diferente, em cada paisagem nova e na forma de viver dos internacionais, é o que faz de cada viagem única!

2 Comments
  1. Amei a matéria. Algumas estranhezas dos gringos a nosso respeito ja conhecia, mas a maioria foi novidade pra mim. O mais importante realmente é o respeito mútuo pelas culturas que estamos visitando.

    1. Obrigada, com certeza o respeito é o mais importante 🙂

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *