Intercâmbio Irlanda x França: estudar em Dublin ou Paris?

By in
Intercâmbio Irlanda x França: estudar em Dublin ou Paris?

França ou Irlanda? Aprender inglês ou francês? Morar em Dublin ou em Paris? Apesar dos dois países fazerem parte da União Européia, o estilo de vida e as regras para os intercambistas são bem diferentes.

Conheça um pouco sobre cada destino e suas particularidades quando o assunto é intercâmbio.

Intercâmbio 

Se você quer aprender inglês ou francês, independente se irá começar do zero ou apenas aperfeiçoar a língua, saiba que as condições são bem diferentes nos dois países.

10 motivos para fazer um intercâmbio.

A começar pela língua, na Irlanda se fala inglês, embora o idioma oficial seja o gaélico. Mesmo sendo ensinado nas escolas, respeitado e presente em todas as informações públicas, apenas 2% da população fala o gélido fluentemente. Por isso, a língua falada na Irlanda é o inglês.

A importância de aprender o inglês você já sabe: Língua mais falado no mundo, ideal para se comunicar com pessoas de outros países, sem contar que é um diferencial no seu currículo. Mas porque aprender francês?

O francês é a língua oficial da ONU, Unesco, OTAN, União Europeia, Cruz Vermelha Internacional e Comitê Internacional Olímpico. O francês é falado nos 5 continentes e é a língua de várias instâncias jurídicas internacionais. Aprender esse idioma é essencial para quem quer trabalhar em organizações internacionais.

Irlanda

O estudante de inglês na Irlanda, pode estudar de duas semanas a dois anos. Caso tenha a disponibilidade e deseje morar por um longo período na Ilha Esmeralda, saiba que é possível, inclusive trabalhar.

A Irlanda permite ao estudante brasileiro o visto de estudo e trabalho. O intercambista que optar por um curso de inglês de seis meses, terá um visto de 8 meses (6 de estudo e 2 de férias) e também o visto de trabalho. 

Caso resolva permanecer na Ilha, é possível renovar esse visto por duas vezes, totalizando dois anos de vivência legal na Irlanda. Mas, se você decidir que vai estudar apenas algumas semanas ou menos de seis meses, trabalhar legalmente não será possível.

Visto

O visto para a terra do U2 é simples e o estudante deve aplicar após chegar no país. Para isso, deve ter a comprovação de renda no valor de 3 mil euros, a carta da escola atestando que irá estudar por um semestre, o seguro saúde obrigatório, a passagem de volta e o endereço de onde irá ficar.

A acomodação pode ser pelo período de apenas uma semana, estando na Ilha você pode procurar uma residência para morar. Dessa forma seu intercâmbio fica mais barato, do que você sair do Brasil com a acomodação reservada por todo o período.

Esses documentos devem ser apresentados na imigração irlandesa, no dia e horário marcado. Para isso, é preciso fazer esse agendamento pelo próprio site do governo irlandês. Para ganhar tempo, você pode e deve reservar o seu horário enquanto ainda estiver no Brasil.

Quer saber mais sobre como comprovar os 3 mil euros na Irlanda? Então clique aqui.

Intercâmbio na Irlanda: seu guia completo

França

Na França, o estudante de línguas não tem permissão de trabalho, apenas os universitários ou quem está matriculado em um curso de mestrado ou doutorado. Você pode permanecer na França estudando Francês por um ano, mas para isso terá que comprovar que tem condições financeiras de se manter durante esse período.

Vai para Paris? Saiba como economizar!

Diferente da Irlanda que o processo de visto é realizado no próprio país, para obter o visto francês você deve fazer todo o processo antes de embarcar. Ou seja, enquanto estiver no Brasil precisa reunir toda a documentação, que é mais extensa que a Irlandesa, e apresentar ao consulado francês no Brasil.

A França criou um site destinado aos estudantes brasileiros para realização do visto. Nesse site é possível consultar quais as escolas estão certificadas,  de acordo com as regras francesas e obter todo o tipo de informação por lá. Sem passar pelo site Campus France você não vai conseguir o seu visto de estudante. 

Ambos os países lhe darão oportunidades de viajar pela Europa, sem contar a história local e pontos turísticos de cada um deles. Os dois países recebem muitos turistas e emigrantes, uma ótima oportunidade para fazer amigos e conhecer outras culturas.

A Irlanda é mágica, cheia de lendas e vilarejos que parecem ter sido tirados dos contos de fada. Na Irlanda você vai beber muita Guinness, comer batata de todas as formas e até batata frita com vinagre. 

Vai conhecer castelos, conviver com pessoas extremamente simpáticas e aprender a viver em um país que chove 300 dias por ano. Mesmo assim você vai gostar. Vai viver em uma capital com jeito de interior.

Na França você vai conhecer mais sobre história e se maravilhar a cada esquina. Andar sem rumo por Paris, entrando e saindo de ruelas, conhecer os pontos turísticos mais famosos do mundo. Tudo vai te encantar!

Vai poder experimentar os melhores vinhos e e comer uma variedade infinita de queijos, tudo por um preço bem acessível. Fazer piquenique nos parques, conhecer mais sobre grandes artistas e escritores. Vai viver em uma cidade de mais de 11 milhões de habitantes com um transporte público que funciona!

Saiba mais sobre intercâmbio na França

Seja qual for o destino que você escolher, saiba que o intercâmbio irá te proporcionar experiências para uma vida toda. 

Está pensando em fazer um intercâmbio? Entre entre em contato com um consultor da Agência Viajar Mais e peça um orçamento. Nós temos uma equipe de especialistas que estão prontos para te auxiliar nessa escolha e tirar todas as suas dúvidas.

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *